Veio Artístico

22 10 2009

Rios, riachos, córregos…

Ruas e artérias.

Há muitas vias.

Aveias!

 

E os cereais,

Que trazem o Sol engolido em seus dentros,

Nos repassam esta luz líquida

Com que fazemos circular nossas intenções

Nos músculos que sustentam

Nossa imaginação.

 

Correm as intenções pelas artérias

E volta o pensamento ponderado pelas veias.

Reflexão sanguinea das imaginações agidas.

 

Vales de atração,

Veio intencional,

Formam-se os rios.

Correm,

Correm egos pelos córregos.

 

No cenário muscular

A luz é transformada em sentidos.

O espetáculo é encenado no

Ritual encarnado.

 

E pelos rios

E pelas artérias

E pelas teias do ar

A instância maior faz-se em substâncias.

 

Veia artística…

Transluzeação viva da Ópera Cósmica.

 

                                                                                – Hans Machado

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: